Menu
Menu
Cores de cabelo / Tratamento

Cabelo platinado: como descolorir os fios + tratamentos

O cabelo platinado é o sonho de consumo de boa parte das mulheres que não abandonam o loiro nas madeixas de jeito nenhum. Com um tom claríssimo, o platinado perfeito só pode ser atingido através da descoloração, mas não dá para negar que a retirada de pigmento dos fios pode danificar permanentemente os cabelos se não for feita do jeito certo. Por isso, antes de colocar a mão na massa, o ideal é que você saiba como platinar o cabelo e todos os cuidados necessários para que ele continue forte e saudável depois do projeto. Que descobrir? Dá uma olhada aqui!

Antes de ficar com o cabelo platinado, você vai precisar fortalecer os fios para garantir que eles aguentem o processo

Ostentar o cabelo platinado dos sonhos por aí é um privilégio que só alcança quem não tem medo de cuidar dos fios constantemente. A prova disso é que o tratamento deve começar antes mesmo da mudança de cor.

Para aguentar o processo de descoloração (ou a decapagem, no caso de quem já tem fios tingidos como, por exemplo, de coloração castanho escuro, acaju, loiro cinza médio qualquer outra) e evitar um corte de cabelo indesejado, seu cabelo deve estar forte, nutrido e hidratado, ou seja: você vai precisar do cronograma capilar.

A reconstrução capilar é um dos processos chave nesse período, já que repõe queratina e fortalece os fios, garantindo que ele não vai quebrar ou arrebentar na hora de ficar platinado.

Como ela também sela as cutículas, é importante combinar com a nutrição e a hidratação que, além dos benefícios principais de repor água e nutrientes para o fio, também tornam a cutícula mais maleável, dando oportunidade para o descolorante agir.

Outra dica para fortalecer os fios, antes de virar loira platinada, é deixá-los saudáveis antes do procedimento fazendo uma hidratação para crescimento com a máscara DaBelle Hair SOS Crescimento e os outros produtos da linha como o óleo de rícino para cabelo.

Comece descolorindo pequenas mechas até você se acostumar com o tom claríssimo

Além de ser uma cor difícil de alcançar, o cabelo platinado causa um impacto visual que pode tornar a adaptação mais complicada para quem tem fios pretos, cabelo castanho escuro ou de outras tonalidades de castanho.

Por isso, antes de apostar na descoloração global (no cabelo todo), comece clareando pequenas mechas.

Então você pode começar apostando no cabelo com luzes platinadas. E depois ir aumentando fazendo mechas californianas, até você ficar mais acostumada.

Ou até mesmo optar por um ombré hair (porque ele mescla diferentes tons nos fios em degradê -da raiz escuro à ponta clara passando por uma mistura de tons harmônicas).

Por exemplo: um ombré hair loiro platinado costuma começar com tons mais escuros parecidos com o que está na sua madeixa. E vai ficando cada vez mais claro quanto mais perto das pontas estiver.

Então costuma ser preciso usar tons como tinta loiro escuro (6.0) e/ou uma mistura loiro médio (7.0) com loiro acinzentado médio (7.1) na altura da orelha ou mais para baixo (dependendo do seu tom natural).

Ou se for o caso, mesclar loiro cinza médio com loiro claro (8.0) para atingir uma nuance parecida com a da atriz Paolla Oliveira (em uma parte do degradê). Entre outras tonalidades que podem ocorrer em um ombré de cabelo platinado.

Uma outra técnica coringa para quem tem o cabelo escuro é apostar na raiz esfumada quando decidir clarear todo o cabelo. Esse processo deixa a raiz dos fios na cor natural e faz uma transição suave para o platinado, diminuindo o contraste das madeixas com a cor da pele e tornando o visual mais natural. Ou seja, similar ao ombré.

Conheça o passo a passo do processo de descoloração do cabelo

Se você tem confiança suficiente para descolorir o cabelo em casa, pode se preparar e seguir esse passo a passo aqui embaixo para conseguir o visual desejado. Tudo o que você vai precisar é do pó descolorante — o azul costuma evitar o efeito amarelado nos fios — e da água oxigenada de 20 ou 30 volumes. Como o processo é delicado, é importante que você respeite o tempo de ação do descolorante nos fios e não deixe a mistura agindo por mais do que 30 minutos.

Antes de começar, também é importante fazer o teste de mecha: aplique o descolorante em uma mecha pequena no cabelo e deixe agir por 30 minutos. Se, depois do enxágue, seu cabelo não estiver elástico ou quebradiço, você pode seguir com o processo. Se não, ele ainda precisa de um pouco mais de cuidados.

Passo 1: Misture, num recipiente, o pó descolorante e a água oxigenada numa proporção de 2 por um (duas medidas do pó para uma da água);

Passo 2: Divida o cabelo e aplique a mistura em mechas pequenas, começando na parte de trás do cabelo. Como as pontas clareiam com mais facilidade, aplique primeiro sempre na direção da raiz.

Passo 3: Deixe o descolorante agir por, no máximo, 30 minutos, e cheque em intervalos pequenos para acompanhar a cor;

Passo 4: Depois de conseguir a tonalidade desejada, enxágue todo o descolorante dos fios com água fria e um shampoo hidratante (shampoo de coco é uma boa pedida porque limpa sem ressecar e mantém os fios hidratados). Você pode aproveitar para fazer uma das etapas do cronograma capilar como recuperação nesse momento, mas depois disso, basta finalizar como de costume.

Os cuidados precisam ser mantidos depois que você mudar a cor dos fios

Sim, você precisou cuidar dos fios antes e vai precisar continuar cuidando depois de ficar loiríssima. Seja apostando na tendência do cabelo curto platinado ou com os fios longos, os cuidados do cronograma capilar continuam sendo indispensáveis.

E para isso, é necessário tratamento com produtos para cabelo que tenham alta qualidade como os da DaBelle Hair.

Já conhece todas as máscaras de tratamento DaBelle Hair? A linha Liso Arrasador, por exemplo, tem a melhor máscara para cabelo liso do mercado. Além de um completo kit para cabelo liso. Vale a pena conferir!

A reconstrução, por exemplo, deve ser repetida uma vez a cada 15 dias e, no intervalo, você pode usar a máscara de hidratação e a de nutrição para intercalar os outros processos.

Além disso, a não ser que você seja do time das platinadas com cabelos crespos e cacheados, vai precisar equilibrar o uso de ferramentas de calor como a chapinha e o babyliss. E, claro, garantir a proteção dos fios com os protetores térmicos DaBelle Hair!

Assim vai ser mais fácil conseguir preservar as pontas do seu cabelo. Em todo caso, nunca deixe o protetor térmico de lado antes desses processos, ok?

3 Comentários

Deixe um Comentário